Racha no PSDB de PE e SP pode ensejar prévias

Se o PSDB lançar Bruno Araújo como candidato, ele disputará prévias com Elias Gomes

Desde o seu nascimento, em 1988, o PSDB notabilizou-se como um “partido de quadros”, mas geralmente se divide nas eleições presidenciais. É o que deve ocorrer de novo nas eleições do próximo ano. Como principal partido de oposição ao PT, seria a “bola da vez” para chegar ao Palácio do Planalto em 2018, mas terá primeiramente que enfrentar algumas turbulências. A principal delas é em São Paulo onde brigam para ser candidato a presidente o governador Geraldo Alckmin e o prefeito da capital João Dória. Nesses casos, o estatuto do partido determina a realização de prévias, o que já ocorreu em 2016 quando se apresentaram como candidatos a prefeito o próprio Doria e o ex-vereador Andrea Matarazzo, sendo que o primeiro levou a melhor. Prévias deverão ocorrer também em Pernambuco se o partido decidir lançar o ministro Bruno Araújo para disputar o governo estadual. O adversário interno será o ex-prefeito de Jaboatão, Elias Gomes, o primeiro a se apresentar ao partido como candidato juntamente com um pré-programa de governo para ser debatido pelos correligionários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *