Suspeito dos assassinatos de Marielle e Anderson é vizinho de Bolsonaro

 

Policiais da Divisão de Homicídios e promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro prenderam, na manhã desta terça-feira (12), o policial militar reformado Ronnie Lessa, 48 anos, e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, de 46 anos. Eles são suspeitos do assassinato de participarem dos assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes.

Ronnie Lessa, segundo as investigações, é o autor dos disparos que mataram Marielle e Anderson.

O sargento Lessa foi preso em casa. Ele mora no mesmo condomínio onde reside o presidente Jair Bolsonaro (PSL), na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *