Netos de Luiz Gonzaga emitem “nota de nojo” após uso de música do avô por Bolsonaro

Jair Bolsonaro em live presidencial. 02.07.2020

Os netos de Luiz Gonzaga, Amora Pêra Gonzaga do Nascimento, Nanan Gonzaga e Daniel Gonzaga, emitiram “nota de nojo” na noite de sexta-feira (3) nas redes sociais contra o uso da música Riacho do Navio por Jair Bolsonaro. A canção foi tocada na sanfona pelo presidente da Embratur, Gilson Machado Neto, em live realizada na quinta-feira (2).

“Não estamos de acordo com o uso da canção Riacho do Navio, nem sua alteração, nem sua execução (com duplo sentido) pelo Senhor Gilson Machado Neto, presidente da Embratur, em transmissão ao vivo pelo Senhor Presidente”, publicou Amora Pêra nas redes.

“Não autorizamos ao Governo Federal o uso das canções assinadas por nenhum de nossos familiares, ou, ao menos, das respectivas partes que nos cabem”, acrescentou, afirmando que Bolsonaro “faz todos os gestos ao seu alcance para confundir e colocar em risco a população do Brasil, enquanto protege a si mesmo e aos seus”.

Confira a publicação: 

Amora Pêra

há 14 horas

NOTA DE NOJO

Diante da impotência e da impossibilidade de processo por propaganda indevida,
por dupla apropriação, da canção de Luiz Gonzaga e Zé Dantas e do projeto do Rio São Francisco; nós, filhos de Luiz Gonzaga do Nascimento Jr, netos de Luiz Gonzaga, o Gonzagão, apresentamos uma NOTA DE NOJO diante deste governo mortal e suas lives. Governo que faz todos os gestos ao seu alcance para confundir e colocar em risco a população do Brasil, enquanto protege a si mesmo e aos s

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *