Pesquisa Quaest revela que apenas 10% dos eleitores de Lula rejeitam chapa com Alckmin

Lula e Alckmin

Pesquisa do instituto Quaest divulgada nesta quarta-feira (8), indica que apenas 10% dos que preferem que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vença a eleição de 2022 rejeitam uma eventual aliança com o ex-governador Geraldo Alckmin. Para 65%, não faz diferença Lula ter ou não Alckmin como seu vice. 20% dos que preferem que Lula vença estariam mais propensos a votar se Alckmin fosse o vice.

A pesquisa mostra Lula liderando com folga a disputa pela Presidência da República, se aproximando de uma vitória no primeiro turno. O petista lidera em todos os cenários, em primeiro e segundo turnos. Já Jair Bolsonaro permanece em segundo lugar, mas é derrotado em qualquer cenário de segundo turno.

quadro-quaest

 

No cenário com sete pré-candidatos, Lula teria 46% dos votos; Bolsonaro, 23%; Sergio Moro viria em terceiro, com 10%; Ciro Gomes, na quarta posição, com 5%; João Doria (PSDB), com 2%; e Rodrigo Pacheco (PSD) e Felipe D’Ávila empatados com 1%. O número de brancos e nulos é de 7% e o de indecisos, 5%.

Nas simulações de segundo turno, Lula vence em todas as situações: 55% dos votos contra 31% de Bolsonaro; 53% contra 29% de Sergio Moro; 54% contra 21% de Ciro Gomes; 57% contra 14% de João Doria; e 58% contra 13% de Rodrigo Pacheco.

O levantamento foi feito presencialmente, com 2.037 entrevistas em 120 municípios nos 26 estados e no Distrito Federal, entre 2 e 5 de dezembro. O nível de confiança da pesquisa é de 95%. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para cima ou para baixo.

Assista a apresentação dos principais quadros da pesquisa feita por Leonardo Attuch:

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.